Leis Morais – O BEM E O MAL – Por que o mal está na natureza das coisas? / Bioeletrografia

15 out

Leis MoraisO BEM E O MALPor que o mal está na natureza das coisas?

 

Leis MoraisLei Divina ou NaturalO BEM E O MALLEitem 634

 

Livro : O Livro dos EspíritosParte TerceiraCapítulo I Leis MoraisLei Divina ou NaturalO BEM E O MALitem 634.

 

O BEM E O MAL

 

634 Por que o mal está na natureza das coisas?

Eu falo do mal moral.

Deus não poderia criar a humanidade em condições melhores?

 

Já vos dissemos: os Espíritos foram criados simples e ignorantes. (Veja a questão 115.)

Deus deixa ao homem a escolha do caminho.

Tanto pior, se tomar o mau: sua peregrinação será maior.

 

Romanos 14 : 12 – Assim, pois, cada um de nós dará contas de si mesmo a Deus.

 

II Coríntios 5 : 10 – Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo.

 

 

Se não existissem montanhas, o homem não compreenderia que se pode subir e descer, e, se não existissem rochedos, não compreenderia que há corpos duros.

 

É preciso que o Espírito adquira experiência e para isso é necessário que conheça o bem e o mal;

é por essa razão que há a união do Espírito ao corpo. (Veja a questão 119.)

 

Romanos 5 : 3 – 4

3 – E não somente isto, mas também nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança;

4 – e a perseverança, experiência;

e a experiência, esperança.

 

 

Livro : O Livro dos Espíritos – Parte Segunda – Do mundo espírita ou mundo dos espíritos – Capítulo I – DOS ESPÍRITOS Progressão dos Espíritos.

 

 

115 Dentre os Espíritos, alguns foram criados bons e outros maus?

 

Deus criou todos os Espíritos simples e ignorantes, ou seja, sem conhecimento.

Deu a cada um, uma missão com o objetivo de esclarecê-los e de fazê-los chegar, progressivamente, à perfeição, pelo conhecimento da verdade e para aproximá-los de Si.

A felicidade eterna e pura é para os que alcançam essa perfeição.

 

I Timóteo 2 : 4 – o qual deseja que TODOS os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade.

 

Romanos 12 : 2 : E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de  Deus.

 

 

Os Espíritos adquirem esses conhecimentos ao passar pelas provas que a Lei Divina lhes impõe.

Uns aceitam essas provas com submissão e chegam mais depressa ao objetivo que lhes é destinado.

Outros somente as suportam com lamentação e por causa dessa falta permanecem mais tempo afastados da perfeição e da felicidade prometida.

 

Tiago  1 : 12 – Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação;

porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam.

 

Romanos 12 : 12 –  regozijai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, na oração, perseverantes;

 

 

115 a Assim sendo, os Espíritos seriam em sua origem semelhantes às crianças, ignorantes e sem experiência, só adquirindo pouco a pouco os conhecimentos que lhes faltam ao percorrer as diferentes fases da vida?

 

Sim, a comparação é boa.

A criança rebelde permanece ignorante e imperfeita, tem maior ou menor aproveitamento segundo sua docilidade.

Porém, a vida do homem tem um limite, um fim, enquanto a dos Espíritos se estende ao infinito.

 

Atos 14 : 22 –  .. fortalecendo a alma dos discípulos, exortando-os a permanecer firmes na fé;

e mostrando que, através de muitas tribulações, nos importa entrar no reino de Deus.

 

 

119 Deus não poderia isentar os Espíritos das provas que devem sofrer para atingir a primeira ordem?

 

Se tivessem sido criados perfeitos, não teriam nenhum mérito para desfrutar dos benefícios dessa perfeição.

Onde estaria o mérito sem a luta?

 

Além do mais, a desigualdade entre eles é necessária para desenvolver a personalidade, e a missão que realizam nessas diferentes ordens está nos desígnios da Providência para a harmonia do universo.

 

I Pedro 5 : 10 – depois de terdes sofrido por um pouco, ele mesmo vos há de aperfeiçoar, firmar, fortificar e fundamentar.

 

 

☼ Tendo em vista que na vida social todos os homens podem chegar às primeiras funções, igualmente poderíamos perguntar por que o soberano de um país não promove cada um de seus soldados a general ?;

por que todos os empregados subalternos não são empregados superiores ?;

por que todos os estudantes não são mestres ?

 

Portanto, há essa diferença entre a vida social e a vida espiritual:

a primeira (vida social) é limitada e nem sempre permite alcançar todos os graus,

enquanto a segunda (vida espiritual) é indefinida e deixa a cada um a possibilidade de se elevar ao grau supremo.

 

 

Livro : Filosofia Espírita –  Capítulo XXII – Espírito Miramez – Psicografado por João Nunes Maia – item 634

 

634/LE

 

MELHORES CONDIÇÕES

 

As melhores condições que Deus poderia criar para os homens, Ele já o fez em todos os sentidos na vida e pela vida.

Se Ele é todo amor e todo sabedoria, como criticá-lo e dar-Lhe conselhos ?

 

I João 4 : 8 – Aquele que não ama não conhece a Deus,

pois Deus é amor.

 

I João 4 : 16 – E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós.

Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele.

 

Pela visão fraca do homem, cujos limites parecem não sair da própria atmosfera, o homem deveria ser criado para não sofrer essas limitações e desde o princípio gozar da felicidade tão almejada por ele.

 

No entanto, Deus sabe o que fazer, nos dando certa liberdade e nos convidando para o crescimento, onde o esforço próprio é motivo da alegria de viver.

 

Mateus 11 : 12 – Desde os dias de João Batista até agora, o reino dos céus é tomado por esforço, e os que se esforçam se apoderam dele.

 

Lucas 16 : 16 – A Lei e os Profetas vigoraram até João;

desde esse tempo, vem sendo anunciado o evangelho do reino de Deus,

e todo homem se esforça por entrar nele.

 

 

Os Espíritos foram criados simples e ignorantes, mas trazendo guardado no cofre da consciência, em estado de sono, todas as qualidades dos anjos, a serem despertadas pelos esforços da cada criatura.

 

A Doutrina dos Espíritos está doando aos homens modalidades inúmeras de os homens despertarem, mostrando regras e conceitos de luz, de modo a cada um andar com mais proveito, aproveitando o tempo para conhecer a si mesmo, aparando arestas e fazendo ambiente para o seu crescimento espiritual.

 

Hebreus 1 : 14 – Não são todos eles ESPÍRITOS ministradores, enviados para serviço a favor dos que hão de herdar a salvação?

 

Hebreus 2 : 1 – 3

Por esta razão, importa que nos apeguemos, com mais firmeza, às verdades ouvidas, para que delas jamais nos desviemos.

Se, pois, se tornou firme a palavra falada por meio de anjos, e toda transgressão ou desobediência recebeu justo castigo,

como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação? A qual, tendo sido anunciada inicialmente pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram;

 

 

Mas, no fundo, tudo vem de Deus, esse ser que ainda desconhecemos, porém, já temos a certeza de contar com um Pai de amor, que somente nos deseja o melhor.

 

João 5 : 36 – Mas eu tenho maior testemunho do que o de João;

porque as obras que o Pai me confiou para que eu as realizasse,

essas que eu faço testemunham a meu respeito de que o Pai me enviou.

 

João 7 : 28 – Jesus, pois, enquanto ensinava no templo, clamou, dizendo:

Vós não somente me conheceis, mas também sabeis donde eu sou;

e não vim porque eu, de mim mesmo, o quisesse,

mas aquele que me enviou é verdadeiro, aquele a quem vós não conheceis.

 

 

Se ainda te faltam melhores condições na tua vida, consulta a consciência;

se ainda continuas a duvidar, ora e vigia;

se ainda não entendeste, trabalha com amor em todos os rumos da tua existência que, esperando, Deus não esquece Seus filhos de boa vontade,

e dá a todos o mesmo carinho e as mesmas oportunidades de elevação.

 

II Pedro 3 : 9 – Não retarda o SENHOR a sua promessa, como alguns a julgam demorada ;

pelo contrário , ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que TODOS cheguem ao arrependimento.

 

 

Deus deixa que Seus filhos escolham seus próprios caminhos, mas vigia para onde eles vão.

Com o passar dos tempos, devemos ir nos libertando de certas dependências, no sentido de sermos guiados pela consciência, onde se encontram as leis vivas criadas por Ele e escritas na profundidade dos seres.

 

Sem incentivar o egoísmo, nem alimentá-lo, o certo é que o Espírito aprende.

 

Depois de Deus, tudo depende do homem, de onde vem a sua própria salvação, a sua cura de todos os males e a sua iluminação interior.

Enquanto estiver buscando fora o que já traz por dentro, ele não passa de homem primitivo.

 

Tiago 1 : 22 – 25

22  Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.

 

23  Porque, se alguém é ouvinte da palavra e não praticante, assemelha-se ao homem que contempla, num espelho, o seu rosto natural;

24  pois a si mesmo se contempla, e se retira, e para logo se esquece de como era a sua aparência.

 

25  Mas aquele que considera, atentamente, na lei perfeita, lei da liberdade, e nela persevera, não sendo ouvinte negligente, mas operoso praticante, esse será bem-aventurado no que realizar.

 

Lucas 6 : 46 – 49

46  Por que me chamais Senhor, Senhor, e não fazeis o que vos mando?

 

47  Todo aquele que vem a mim, e ouve as minhas palavras, e as pratica, eu vos mostrarei a quem é semelhante.

48  É semelhante a um homem que, edificando uma casa, cavou, abriu profunda vala e lançou o alicerce sobre a rocha;

e, vindo a enchente, arrojou-se o rio contra aquela casa e não a pôde abalar, por ter sido bem construída.

 

49  Mas o que ouve e não pratica é semelhante a um homem que edificou uma casa sobre a terra sem alicerces, e, arrojando-se o rio contra ela, logo desabou;

e aconteceu que foi grande a ruína daquela casa.

 

Mateus 22 : 36 – 40

36  Mestre, qual é o grande mandamento na Lei?

 

37  Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.

38  Este é o grande e primeiro mandamento.

 

39  O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.

 

40  Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas.

 

 

SALVAÇÃO = CARIDADE

CARIDADE : No vocabulário cristão, o amor que move a vontade à busca efetiva do bem de outrem e procura identificar-se com o amor de Deus;

ágape, amor-caridade.

Benevolência, complacência, compaixão.

Jesus foi explícito no ensinamento da Caridade, nestes versículos :

 

MATEUS  25 : 31 – 45

 

34 – então, dirá o Rei aos que estiverem à sua direita:

Vinde, benditos de meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo.

 

35 – Porque tive fome, e me destes de comer;

tive sede, e me destes de beber;

era forasteiro, e me hospedastes;

 

36 – estava nu, e me vestistes;

enfermo, e me visitastes;

preso, e fostes ver-me.

 

37 – Então, perguntarão os justos:

Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer?

Ou com sede e te demos de beber?

 

38 – E quando te vimos forasteiro e te hospedamos?

Ou nu e te vestimos?

 

39 – E quando te vimos enfermo ou preso e te fomos visitar?

 

40 – O Rei, respondendo, lhes dirá:

Em verdade vos afirmo que, sempre que o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.

 

41- Então, o Rei dirá também aos que estiverem à sua esquerda:

Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos.

 

42 – Porque tive fome, e não me destes de comer;

tive sede, e não me destes de beber;

 

43 – sendo forasteiro, não me hospedastes;

estando nu, não me vestistes;

achando-me enfermo e preso, não fostes ver-me.

 

44 – E eles lhe perguntarão:

Senhor, quando foi que te vimos com fome, com sede, forasteiro, nu, enfermo ou preso e não te assistimos?

 

45 – Então, lhes responderá:

Em verdade vos digo que, sempre que o deixastes de fazer a um destes mais pequeninos, a mim o deixastes de fazer.

 

 

Tiago, também foi explícito no ensinamento da Caridade :

 

Tiago 2 : 14 – 26

14 – Meus irmãos, qual é o proveito, se alguém disser que tem fé, mas não tiver obras?

Pode, acaso, semelhante fé salvá-lo?

 

15 – Se um irmão ou uma irmã estiverem carecidos de roupa e necessitados do alimento cotidiano,

16 – e qualquer dentre vós lhes disser: Ide em paz, aquecei-vos e fartai-vos, sem, contudo, lhes dar o necessário para o corpo, qual é o proveito disso?

 

17 – Assim, também a fé, se não tiver obras, por si só está morta.

 

26- Porque, assim como o corpo sem espírito é morto, assim também a fé sem obras é morta.

 

 

E, João, igualmente, ensinou sobre Caridade :

 

I João 3 : 17 – 18

17 – Ora, aquele que possuir recursos deste mundo, e vir a seu irmão padecer necessidade, e fechar-lhe o seu coração, como pode permanecer nele o amor de Deus?

18 – Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade

 

I João 4  : 20 – Se alguém disser: Amo a Deus, e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê.

 

O “conhece-te a ti mesmo” é a revelação da mais alta lei de vida e de verdade.

 

Não existem melhores condições para a libertação da alma do que conhecer as suas forças e saber usá-las.

 

Quando já estamos trabalhando em favor dos outros, é o caminho se abrindo para nós, sem o trabalhador atinar para essa verdade.

Em todo o trabalho que fazemos em favor dos outros, estamos ajudando é a nós mesmos.

Os outros somente são verdadeiramente ajudados quando passam a conhecer a si mesmos.

 

I Pedro 3 : 10 – 11

10  Pois quem quer amar a vida e ver dias felizes refreie a língua do mal e evite que os seus lábios falem dolosamente;

11  aparte-se do mal, pratique o que é bom, busque a paz e empenhe-se por alcançá-la.

 

O que chamamos de bem e mal são condições necessárias que Deus permite, para o despertamento dos valores das almas; se assim não fora, não existiria o mal.

Para que os homens compreendam as leis na sua profundidade, são necessários ainda muitos milênios na purificação dos seus sentimentos.

 

Salmos 90 : 3 – 4

Tu reduzes o homem ao pó e dizes: Tornai, filhos dos homens.

Pois mil anos, aos teus olhos, são como o dia de ontem que se foi e como a vigília da noite.

 

II Pedro 3 : 8 – 9

Há, todavia, uma coisa, amados, que não deveis esquecer:

que, para o Senhor, um dia é como mil anos, e mil anos, como um dia.

 

Não retarda o Senhor a sua promessa, como alguns a julgam demorada;

pelo contrário, ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento.

 

 

São vidas e mais vidas em cadeia, respeitando as mesmas leis de Deus, com diferenciações de acordo com o grau alcançado.

 

O mal não se encontra na natureza, porque ele não existe como se expressa o termo;

o que realmente existe são processos de despertamento das qualidades imortais do amor, que se divide ao infinito para a felicidade de todos os filhos de Deus, porque Ele é o Pai, fonte do bem universal.

 

Romanos 13 : 8 – 12

A ninguém fiqueis devendo coisa alguma, exceto o amor com que vos ameis uns aos outros;

pois quem ama o próximo tem cumprido a lei.

 

Pois isto: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não cobiçarás, e, se há qualquer outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.

 

10  O amor não pratica o mal contra o próximo;

de sorte que o cumprimento da lei é o amor.

 

11  E digo isto a vós outros que conheceis o tempo:

já é hora de vos despertardes do sono;

porque a nossa salvação está, agora, mais perto do que quando no princípio cremos.

 

12  Vai alta a noite, e vem chegando o dia.

Deixemos, pois, as obras das trevas e revistamo-nos das armas da luz.

 

Mateus 5 : 14 – 16

14  Vós sois a luz do mundo.

 

Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte;

15  nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa.

 

16  Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens,

para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.

 

 

Lucas 11 : 33 – 36

33  Ninguém, depois de acender uma candeia, a põe em lugar escondido, nem debaixo do alqueire, mas no velador, a fim de que os que entram vejam a luz.

 

34  São os teus olhos a lâmpada do teu corpo;

se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso;

mas, se forem maus, o teu corpo ficará em trevas.

 

35  Repara, pois, que a luz que há em ti não sejam trevas.

 

36  Se, portanto, todo o teu corpo for luminoso, sem ter qualquer parte em trevas, será todo resplandecente como a candeia quando te ilumina em plena luz.

 

Mateus 17 : 1 – 2

Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro e aos irmãos Tiago e João e os levou, em particular, a um alto monte.

 

E foi transfigurado diante deles;

o seu rosto resplandecia como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz.

 

 

Observação :

A Ciência, atualmente, já pode comprovar o que Jesus disse, através da KIRLIANGRAFIA ou BIOELETROGRAFIA.

 

Bioeletrografia, antiga foto Kirlian, é a imagem da ionização dos gases e/ou vapores exalados pelos poros da pele, e as cores e imagens geométricas que nela aparecem nos proporcionam um recurso auxiliar no diagnóstico de problemas orgânicos e/ou psíquicos.

Hoje sabemos que, como resultado do metabolismo celular de nossos corpos, diversas substâncias químicas são liberadas e exaladas sob a forma de gases e/ou vapores pela pele, na forma de suor, ureia, CO2, NH4, SO2 etc.

 

Esse fenômeno pode ser demonstrado por meio de aparelho que faz análises químicas muito precisas, conhecido como espectrofotômetro.

Conforme seja a composição química desses gases e vapores exalados pelas papilas digitais e ionizados na máquina bioeletrográfica, surgem, nas fotos, as diversas cores e imagens geométricas.

Como esses gases e/ou vapores são produzidos pelo metabolismo celular, podem dar indícios de como se encontra o estado de saúde orgânica e psíquica da pessoa.

Atualmente, a Técnica Bioeletrográfica, além de ser utilizada como auxílio diagnóstico na área médica, para identificar problemas de saúde orgânica e/ou psíquica, está também sendo usada em pesquisas nas áreas de agronomia, mineralogia, fitoterápicos, acupuntura, veterinária, homeopatia, psicologia e terapias complementares diversas.

 

https://www.youtube.com/watch?v=1kTbzRMOp0U

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: