Leis Morais – O BEM E O MAL – O bem e o mal são absolutos para todos os homens?

14 nov

Leis Morais O BEM E O MAL O bem e o mal são absolutos para todos os homens?

 

Leis MoraisLei Divina ou NaturalO BEM E O MALLEitem 636

 

Livro : O Livro dos EspíritosParte TerceiraCapítulo ILeis MoraisLei Divina ou NaturalO BEM E O MALitem 636.

 

O BEM E O MAL

 

636 O bem e o mal são absolutos para todos os homens?

 

A lei de Deus é a mesma para todos;

mas o mal depende principalmente da vontade que se tem de o praticar.

 

O bem é sempre o bem e o mal é sempre o mal, qualquer que seja a posição do homem;

a diferença está no grau de responsabilidade.

 

Tiago 2 : 8 – 13

Se vós, contudo, observais a lei régia segundo a Escritura: Amarás o teu próximo como a ti mesmo, fazeis bem;

se, todavia, fazeis acepção de pessoas, cometeis pecado, sendo arguidos pela lei como transgressores.

 

10  Pois qualquer que guarda toda a lei, mas tropeça em um só ponto, se torna culpado de todos.

11  Porquanto, aquele que disse: Não adulterarás também ordenou: Não matarás.

Ora, se não adulteras, porém matas, vens a ser transgressor da lei.

 

12  Falai de tal maneira e de tal maneira procedei como aqueles que hão de ser julgados pela lei da liberdade.

 

13  Porque o juízo é sem misericórdia para com aquele que não usou de misericórdia.

A misericórdia triunfa sobre o juízo.

 

 

Romanos 12 : 17 – 18 ; 21

17  Não torneis a ninguém mal por mal;

esforçai-vos por fazer o bem perante todos os homens;

 

18  se possível, quanto depender de vós, tende paz com todos os homens;

21  Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem.

 

 

II Coríntios 5 : 10 – Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo.

 

 

Livro : Filosofia Espírita –  Capítulo 24Espírito MiramezPsicografado por João Nunes Maia item 636

 

636/LE

 

PARA TODOS

 

A lei de Deus é para todas as criaturas;

do mesmo modo que ela atua em uma pessoa primitiva, ela se manifesta em um civilizado.

A diferença que se processa é a maturidade, é o uso da inteligência de cada um.

 

Provérbios 17 : 27 – Quem retém as palavras possui o conhecimento, e o sereno de espírito é homem de inteligência.

 

Lucas 10 : 26 – 28

26  Então, Jesus lhe perguntou: Que está escrito na Lei? Como interpretas?

 

27  A isto ele respondeu: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento;

 

e: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.

 

28  Então, Jesus lhe disse: Respondeste corretamente;

faze isto e viverás.

 

 

Vamos a uma comparação simples, que dá para entender as diferenças de atuação da lei, nos homens e nas coisas:

homem primitivo mora ao relento, sujeito às variações do tempo, e sofrendo as consequências dessas variações.

 

O civilizado usou da inteligência desenvolvida, fez uma casa, usa a eletricidade, fabricou a roupa e consegue alimentos com mais facilidade, e ainda fez o carro e usa o avião para rápidas viagens.

 

Mas, as leis que regulam tudo são as mesmas para todos.

 

Provérbios 2 : 10 – Porquanto a sabedoria entrará no teu coração, e o conhecimento será agradável à tua alma.

 

 

Em rápido entendimento, o que o civilizado gasta para percorrer uma distância de avião em uma hora, por vezes o primitivo leva mais de vinte dias;

porém, é a mesma a distância.

Deus não encurtou a distância para o homem dito civilizado, ele é que descobriu meios para tal.

 

Daí, podes deduzir as outras coisas, não fora da lei.

A lei é a mesma para todas as criaturas.

A diferença que existe é por causa da maturidade da alma, que gastou milhões de anos, no sentido de adquirir experiências.

 

Quanto ao mal, é a mesma coisa;

depende do conhecimento da alma.

 

João 17 : 22 – 23

22  Eu lhes tenho transmitido a glória que me tens dado, para que sejam um, como nós o somos;

 

23  eu neles, e tu em mim, a fim de que sejam aperfeiçoados na unidade, para que o mundo conheça que tu me enviaste e os amaste, como também amaste a mim.

 

 

I Pedro 5 : 10 – Ora, o Deus de toda a graça, que em Cristo vos chamou à sua eterna glória, depois de terdes sofrido por um pouco,

ele mesmo vos há de aperfeiçoar, firmar, fortificar e fundamentar.

 

 

Quem já compreendeu que colhe o que planta, certamente que, no momento do plantio, irá escolher suas sementes,

 

e os pensamentos dos Espíritos são sementes, que caem na lavoura da mente de quem semeia e de quem deixa de semear.

 

Gálatas 6 : 7 – Não vos enganeis: de Deus não se zomba;

pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.

 

 

Hebreus 1 : 14  Não são todos eles ESPÍRITOS ministradores, enviados para serviço a favor dos que hão de herdar a salvação?

 

Hebreus 2 : 1  Por esta razão, importa que nos apeguemos, com mais firmeza, às verdades ouvidas, para que delas jamais nos desviemos.

 

 

As responsabilidades são idênticas.

 

Ao conversares com alguém, é justo que analises o que vais falar, para não caíres em tentações.

 

Tiago 3: 6 – Ora, a língua é fogo;

é mundo de iniquidade;

 

a língua está situada entre os membros de nosso corpo, e contamina o corpo inteiro, e não só põe em chamas toda a REENCARNAÇÃO , como também é posta ela mesma em chamas pelo inferno.

 

 

Observação : Na 1ª Categoria, apresentei um estudo feito através de strongs da Bíblia on line, onde mostro que o conceito de Reencarnação, foi trocado pelas palavras “carreira da existência humana”.

 

 

Tiago 4 : 11 – Irmãos, não faleis mal uns dos outros.

Aquele que fala mal do irmão ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei;

ora, se julgas a lei, não és observador da lei, mas juiz.

 

 

I Pedro 3 : 10 – 11

10  Pois quem quer amar a vida e ver dias felizes refreie a língua do mal e evite que os seus lábios falem dolosamente;

 

11  aparte-se do mal, pratique o que é bom, busque a paz e empenhe-se por alcançá-la.

 

 

E tu, que deves ouvir, tem cuidado no que vais escutar, para não sofreres as consequências do que ouves de mal.

 

 

Eclesiastes 7 : 5 – Melhor é ouvir a repreensão do sábio do que ouvir a canção do insensato.

 

 

As coisas pequenas são tão perigosas quanto as grandes, porque a grande era, no princípio, pequena,

 

e se persistires nos pequenos erros, vê-los-ás crescerem e tornarem-se mais difíceis de serem corrigidos.   

 

Provérbios  29 : 17 – Corrige o teu filho, e te dará descanso, dará delícias à tua alma. 

 

 

Quem é fiel no pouco, também é fiel no muito;

e quem é injusto no pouco, também é injusto no muito. (Lucas 16 – 10)

 

 

Purificação é purificação.

O dever do Espírito é, pois, eliminar todo o mal da sua vida, eliminar toda a injustiça dos seus passos, e procurar ser fiel e justo em tudo.

 

 

Romanos 13 : 10 – O amor não pratica o mal contra o próximo;

de sorte que o cumprimento da lei é o amor.

 

 

I Coríntios 13 : 4 – 7

O amor é paciente, é benigno;

o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece,

 

não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal;

 

não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade;

 

tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

 

 

Basta começares com Jesus esse trabalho, que Ele te dará forças para venceres a ti mesmo, em todas as lutas de auto-aperfeiçoamento espiritual.

 

 

II Coríntios 5 : 17 – E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura;

as coisas antigas já passaram;

eis que se fizeram novas.

 

 

Há grandes diferenças entre o bem e o mal: um é eterno, e o outro é passageiro, e o mal ainda coopera para edificação do bem.

 

Essa é a lei do progresso.

 

As diferenças dos homens, de uns para com os outros, é o grau de responsabilidade nos caminhos da vida.

 

Em suma, é a responsabilidade do que devem fazer, no empuxo do progresso.

 

I Coríntios 9 : 16 – 18

16  Se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois sobre mim pesa essa obrigação;

porque ai de mim se não pregar o evangelho!

 

17  Se o faço de livre vontade, tenho galardão;

mas, se constrangido, é, então, a responsabilidade de despenseiro que me está confiada.

 

18  Nesse caso, qual é o meu galardão?

 

É que, evangelizando, proponha, de graça, o evangelho, para não me valer do direito que ele me dá.

 

 

O que chamas de mal, que é a força do bem mal compreendida, deixa de se expressar no mundo quando a humanidade passa a amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesma.

 

Mateus 22 : 36 – 40

36  Mestre, qual é o grande mandamento na Lei?

 

37  Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.

 

38  Este é o grande e primeiro mandamento.

 

39  O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.

 

40  Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas.

 

 

O amor é a força divina, o transformador de todas as coisas para melhor.

 

Ele é luz que sai do coração de Deus para iluminar os corações humanos, na solução de todos os problemas criados pelos Espíritos ignorantes, e ainda alimentando a simplicidade que ainda não se esclareceu.

 

 

I João 4 : 7 – 8

Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor procede de Deus;

e todo aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.

 

Aquele que não ama não conhece a Deus,

pois Deus é amor

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: